Discursos apaixonados marcam Sessão Solene de homenagens na Câmara de Jaboticabal


Homenageados: [esq. à dir.] Geraldo Cascaldi Júnior, Dr. Marcus Vinícius Nascimento Valentin, Prof. Dr. Paulo de Figueiredo Vieira e Dr. Ricardo Martinuzzo.

A Câmara Municipal de Jaboticabal homenageou com o Título de Cidadão Jaboticabalense os médicos Marcus Vinícius Nascimento Valentin e Ricardo Martinuzzo, e o Prof. Dr. Paulo de Figueiredo Vieira. Geraldo Cascaldi Júnior, por sua vez, foi condecorado com o Diploma de Honra ao Mérito. Apesar de coincidir com a data e horário da cerimônia de abertura das Olimpíadas Rio-2016, na sexta-feira (05/08), a galeria do Plenário da Casa ficou lotada para a entrega das honrarias.


Esposa de Dr. Marcus Vinícius Nascimento Valentin, Tassiana Cintra Valentin, acompanha o discurso do marido.

Se por um lado eles foram os homenageados da noite, por outro, seus pronunciamentos não pouparam elogios à parceria das esposas e ao apoio familiar no crescimento pessoal e profissional. Foi o caso do médico Dr. Marcus Vinícius Nascimento Valentin, que recebeu o Título de Cidadão Jaboticabalense segundo o Decreto Legislativo nº 663, de 03 de maio de 2016. “Agradeço imensamente aos meus queridos pais, aqui presentes, que a mim souberam dar carinho e amor incondicionais, plantando em seu filho sementes de importantes valores humanos, que fertilizados, puderam frutificar. Ser honesto e cultivar as verdadeiras amizades, meu pai soube me transmitir. Exercitar diariamente a disciplina nos pequenos atos e compromissos cotidianos, minha sábia mãe em mim deixa este legado”, disse Valentin. O médico ainda agradeceu aos amigos de trabalho e se declarou à esposa: “Um raio de sol adentrou em minha vida quando a conheci. Trazido pelos laços do mais sublime dos sentimentos, o amor, então cheguei à Cidade das Rosas... Como notas musicais que se encaixam sem desafino, e com a cadência prazerosa do convívio mútuo, uma composição começou a ser construída. Fomos pouco a pouco ampliando nossa orquestra, que logo aumentou em número e qualidade, com a chegada dos nossos gêmeos Caio e Felipe... Após quase 20 anos do meu primeiro contato com a Athenas Paulista, confesso-lhes de que fui conquistado por esta primorosa cidade. Os acolhimentos familiar e profissional recebidos, associados ao reconhecimento do meu trabalho pelos nossos pares, me dão a certeza de que esta sim é minha Pasárgada, à moda Manuel Bandeira”. [Clique aqui e ouça o pronunciamento do Dr. Valentin]


"Obrigado por todas as coisas que eu vi, quando você pensou que eu não estava olhando", declarou Prof. Dr. Paulo de Figueiredo Vieira à esposa Elina.

O Prof. Dr. Paulo de Figueiredo Vieira, cidadão jaboticabalense conforme o Decreto Legislativo 661, de 22 de março de 2016, igualmente não economizou na poesia e nas palavras voltadas à esposa. “Hoje, na verdade, quero agradecer. A você, Elina, que esteve ao meu lado nas horas que chorei, nas horas que sorri, nas horas que me lamentei e nas horas que, de uma forma ou de outra, demonstrei total alegria. Agradecer pelo sorriso diário sem mágoas, sem rancores. Agradecer de peito aberto e de alma explosiva. Quero parar e agradecer porque você faz, fez e fará sempre parte de minha história. Quando você achou que eu não estava olhando, eu vi lágrimas em seus olhos. Eu aprendi que, às vezes, coisas nos machucam, mas que é permitido chorar. Quando você achou que eu não estava olhando, eu vi você fazer para mim o meu bolo favorito e aprendi que pequenas coisas podem ser muito especiais na vida das pessoas. Quando você achou que eu não estava olhando, eu vi você rezando, e eu soube que há um Deus em que eu podia sempre conversar, e aprendi a confiar em Deus. Quando você achou que eu não estava olhando, eu senti o seu beijo de boa noite. Senti-me amado e protegido. Eu vi você fazendo comida e levando para uma amiga que estava doente. Eu aprendi que todos nós devemos ajudar e cuidar dos outros. Quando você achou que eu não estava olhando, eu vi você cuidar de nossa casa e de todos que moravam nela, e eu aprendi que temos que cuidar de tudo que nos foi dado. Eu aprendi como uma das maiores lições de vida, que eu precisava aprender com você e a ser uma pessoa boa e produtiva. Quando você achou que eu não estava olhando, eu olhei para você e quis dizer: obrigado por todas as coisas que eu vi, quando você pensou que eu não estava olhando.” [Clique aqui e ouça o pronunciamento do Prof. Dr. Paulo Vieira]


"Aqui desenvolvi minha profissão, conheci minha esposa, construímos nossa casa e criamos nossa filha", disse o médico Ricardo Martinuzzo, sob o olhar da esposa Liliana Santi Martinuzzo.

Para o médico Ricardo Martinuzzo, há 25 anos em Jaboticabal, e homenageado com o Título de Cidadão Jaboticabalense pelo Decreto Legislativo nº 653, de 22 de dezembro de 2015, “é uma honra. Um grande orgulho receber este título, que me faz sentir um pouco mais filho de Jaboticabal. Desde minha vinda, fui carinhosamente acolhido... Mais do que pacientes, posso dizer que fiz muitas amizades. Aqui desenvolvi minha profissão, conheci minha esposa, construímos nossa casa e criamos nossa filha. Sempre acreditei, e por isso, investir aqui, tornou-se um aspecto natural, uma forma de reconhecimento e troca com a população. Se hoje, julga-me merecedor dessa honraria, acredito que deva ser pelo orgulho e respeito que carrego e transmito por morar nessa terra. Gratidão eu devo a todos, familiares, amigos, mas hoje, gostaria de fazer um agradecimento especial, primeiramente a Deus, aos meus pais, minha esposa e filha e, toda equipe de profissionais, de funcionários da clínica, que juntos, diariamente, trabalhamos para procurar oferecer um serviço à altura da nossa cidade”, proferiu da tribuna. [Clique aqui e ouça o pronunciamento do Dr. Ricardo Martinuzzo]


Flávia Menezes Borgatto acompanha a fala do marido, Geraldo Cascaldi Júnior, que se emociona durante seu pronunciamento.

Geraldo Cascaldi Júnior, que recebeu o Diploma de Honra ao Mérito pelo Decreto Legislativo nº 646, de 06 de outubro de 2015, rememorou a infância e a juventude feliz na cidade de Jaboticabal. Relembrou de quando se mudou do município, aos 18 anos, para estudar em São Paulo. Trabalhou na Santista Têxtil, passou pela cidade de Americana, onde morou por volta de 10 anos. Trabalhou na empresa de meias Lupo, em Araraquara, e sempre nutriu a vontade de regressar à Jaboticabal. Após passar em um concurso da Polícia Científica, viu seu anseio tornar-se realidade. “E lá se foram 20 anos”, disse. O homenageado aproveitou para agradecer à Polícia Militar e Polícia Civil, pelo companheirismo, ao Ministério Público e magistrados, à Câmara. “Eu formei, me aposentei, e ganhamos de presente uma menininha que está com três anos... Agradeço às amizades que fiz nesses anos, que são duas dádivas de Deus”, finalizou emocionado Cascaldi Júnior. [Clique aqui e ouça o pronunciamento de Geraldo Cascaldi Júnior]


Público acompanha Sessão Solene de homenagens.

Período eleitoral - Por motivo das eleições municipais, os nomes dos autores das proposições não serão divulgados nas notícias, restringindo-os apenas a "Busca de Documentos" e "Pesquisa de Leis". Os áudios divulgados nesta notícia igualmente passaram por edição para evitar a divulgação dos nomes dos vereadores/candidatos presentes.

Ana Paula Junqueira
Assessoria de Imprensa
(16) 3209-9478